Vamos inovar os métodos de ensino para despertar o interesse nos alunos

Professores novatos e os de longa estrada encontrarão preciosas dicas de ensino para melhorar a qualidade das aulas e a participação dos alunos, transformando-os em questionadores e formadores de opinião.

O objetivo é trocar experiências, conteúdos, críticas e sugestões, de modo que os profissionais de ensino fiquem por dentro de como se inicia uma aula incentivadora, sem dar espaço a métodos ultrapassados

"Aprender é descobrir aquilo que você já sabe. Ensinar é lembrar aos outros que eles sabem tanto quanto você!" (Paulo Freire)

Como iniciar Geografia no primeiro dia do ano letivo

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017


Muitos docentes em início de carreira e os de longos anos de atividade em sala de aula possuem dificuldades em se adaptar a inovações metodológicas, mantendo-se presos a métodos ultrapassados.

Como a Geografia faz parte das ciências não-exatas, a disciplina sofre transformações quanto à forma de transmissão de conteúdos e abordagem cada vez mais cotidiana, pois suas categorias fundamentais são também dinâmicas: paisagem, lugar, região, território e espaço geográfico.

Com a videoaula, o professor poderá se basear nas dicas de como se inicia a primeira aula de Geografia no primeiro dia do ano letivo, através de bate-papo informal, e é válido para os níveis fundamental, médio e universitário. 

A intenção é conscientizar o aluno da importância do estudo da disciplina que é fazê-lo pensar que os assuntos têm ligação com o seu dia a dia: Para que serve a Geografia? Por que devo aprendê-la? O que ela vai ser útil na minha vida profissional?

Para se ter uma ideia, se não fosse a Geografia, os mapas não existiriam e são muito úteis nos sistemas de navegação por terra, mar e ar. 

Praticar a Geografia é aventurar-se pelas dinâmicas espaciais, conhecendo os fenômenos terrestres, suas lógicas e suas inter-relações. 

Graças à Geografia, foi possível a criação de agências de turismo, a invenção do GPS, a formação de cidades, municípios e bairros, registrar áreas de difícil acesso com o objetivo de resgatar viajantes perdidos, etc.




0 comentários:

Postar um comentário

Para o espaço estar a todo vapor, vai depender da participação de cada professor, através de debates, para saber se o nosso trabalho está sendo de grande utilidade. Lembre-se, Mestre: O blog é seu também.

 
Espaço Docente Aprendiz | by TNB ©2010